Zé Moleza | TCC, monografias e trabalhos feitos. Pesquise já!

Você está em Trabalhos Acadêmicos > Sociais Aplicadas > Arquivologia

Favoritos Seus trabalhos favoritos: 0

Trabalho em Destaque

Título: A Proteção Social

1 INTRODUÇÃO O nascedouro foi em 1883, na Alemanha com o Chanceler Bismarck. Foi um marco tanto da Seguridade Social como da Previdência Social (primeiro sistema escrito de previdência social – seguro social). A forma de contribuição ou custeio para…


Publicidade


Publicidade

relatorio de estagio supervisionado I

Trabalho enviado por: hilda barbosa de souza

Data: 06/05/2010

RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO

FACE
2009

 

 

 

SUMÁRIO

1. INTRODUÇÃO
2. HISTÓRICO DA EMPRESA
3. PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
3.1 Missão
3.2 Visão
3.3 Valores
4. ESTRUTURA DA EMPRESA
4.1 Sócios
4.2 Funcionários
4.3 Departamentos6
4.4 Produtos
4.5 Clientes
4.6 Prédio
4.7 Logística
4.8 Transporte
4.9 Reflexão da estrutura organizacional
5. ORGANOGRAMA
6. ANÁLISE MERCADOLÓGICA
7. RECURSOS HUMANOS
7.1 PROCESSO DE SELEÇÃO
7.2 PLANO DE QUALIFICAÇÃO
7.3 PLANOS DE CARGOS E SALÁRIOS
7.4 PONTOS DE MOTIVAÇÃO E DESMOTIVAÇÃO
8. ANÁLISE SWOT
9. COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL
10. PROCESSO DE LICITAÇÃO DA EMPRESA
11. SEGURANÇA DO TRABALHO
12. RESPONSABILIDADE SOCIAL
13. HUMANIZAÇÃO DO TRABALHO
14. ANÁLISE CONCLUSIVA
15. SIGLAS
16. REFERÊNCIAS BIBLIOGRAFICAS
17. ANEXOS

 

1. INTRODUÇÃO

Dando inicio à primeira etapa do Estágio Supervisionado do curso de Gestão Empresarial, tendo em vista a necessidade de uma experiência prática onde se aplica grande parte dos fundamentos aprendidos ao longo dos períodos anteriores com os princípios teóricos estudados, agora trabalhando em um setor administrativo, neste momento, aliou-se a teoria à prática, demonstrando, assim, o quanto é enriquecedor e importante esta etapa na minha formação acadêmica e profissional.

O Estágio Supervisionado I está sendo realizado na Secretária Municipal de Saúde de Cruz das Almas – Bahia, localizado à Rua Gerson Maia, s/nº - Coplan Esta etapa, com carga horária de 150 horas, teve início no dia 01 de setembro de 2009, com carga horária semanal de 6 horas aulas, distribuídas de segunda à sexta-feira, das 09 as 12 e das 14 às 17 horas.

 

2. HISTÓRICO DA EMPRESA

Secretária Municipal de Saúde e Centro de Recursos Humanos da Saúde. Obra realizada pelo governo municipal sendo: Dr. Raimundo Jean Cavalcante Silva – Prefeito, Edson Ribeiro – Vice-prefeito, Dra. Telma Pedrão Costa Mota – Secretária municipal de saúde e Antonio Albérico Costa – Secretário municipal de obras públicas. Inaugurada em 20 de setembro de 2002.

 

3. PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO

 

3.1 MISSÃO:

Viabilizar, desenvolver e garantir o cumprimento das políticas de saúde, através de ações individuais e coletivas de promoção, prevenção e recuperação da saúde visando à melhoria da qualidade de vida da população do município. "Uma empresa não se define pelo seu nome, estatuto ou produto que faz; ela se define pela sua missão. Somente uma definição clara da missão é razão de existir da organização e torna possíveis, claros e realistas os objetivos da empresa."

Peter Drucker, 2001, p. 39.

 

3.2 VISÃO:

Ser reconhecida pela sociedade, como referência de gestão democrática, com autonomia e criatividade, na condução plena do sistema municipal da saúde. “Capital humano não é só talento, mas também o ambiente em que ele se desenvolve.” Idalberto Chiavenato, Fundação Nacional de Qualidade- FNQ, 2008, www.fnq.org.br

VALORES

Fidelidade aos princípios do SUS, comprometimento, qualidade, cidadania, ética. Garantir a confiabilidade e responsabilidade social.

"O ritmo acelerado na era da informação torna imperativo que cada empresa reserva um tempo significativo para examinar e perguntar que adaptações deverão empreender agora para sobreviver e prosperar". Philip Koltler, 1899, p.271.

 

4. ESTRUTURA DA EMPRESA

 

4.1 SÓCIOS

Não possui sócio, pois, a empresa é uma instituição pública.

 

4.2 FUNCIONÁRIOS

A empresa consta de 526 colaboradores

 

4.3 DEPARTAMENTOS

São seis os departamentos:

• Departamento financeiro;
• Departamento administrativo
• Assistência a saúde
• Vigilância a saúde
• Planejamento, controle, regulação e integração institucional
• Departamento de orçamento e contabilidade

 

4.4 PRODUTOS

Presta serviços a população do município, através de atendimento médico em geral (CAPS VISA, VIEP, atenção básica, ouvidoria, regulação, transporte, famacovigilância, assistência farmacêutica).

 

4.5 CLIENTES

Os clientes são a população do município de Cruz das Almas e região.

 

4.6 PRÉDIO

A secretária dispõe de prédios próprios e alugados distribuídos da seguinte forma: secretária de saúde e ambulatório municipal com sede própria, e as USF com sedes próprias e alugadas.

 

4.7 LOGÍSTICA

O armazenamento de materiais no almoxarifado deverá ser feito conforme o tipo de material, assim sendo em salas separadas (papelaria, materiais odontológicos, de higienização, radioativos, entre outros), deverá ser também classificado por códigos, nº de lotes, ordem alfabética, para que haja melhor manuseio. Tais materiais deverão ficar afastados das paredes, em *paletes, com 20 cm acima do piso, entre uma fileira e outra, deve haver espaço para circulação de ar, impedindo assim a deteriorização de alguns materiais.

Quanto ao estoque é imprescindível um controle informatizado, para que haja agilidade, planejamento e organização do setor. Estes materiais deverão dá entrada e saída dos produtos, com inventário e aquisição constando o protocolo da instituição.

A área física deverá ser autorizada pela visa, a qual fará uma avaliação da climatização, higienização local, mobiliário adequado e paletes adequados para o armazenamento, iluminação, umidade e empilhadeira se necessário.

* PALETES: Do inglês Pallet, é um estrado de madeira, metal ou plástico, que é utilizado para movimentação de cargas.

 

4.8 TRANSPORTE

A secretária de saúde disponibiliza de 13 carros, 2 ambulâncias para emergência, 7 carros para serviços da manutenção das unidades e 4 carros para atendimento de hemodiálise, quimioterapia e entre outros. O controle de combustível é feito através de planilhas, especificando cada veiculo e placa, nº de ordem, kilometragem e assinatura do responsável. É feito também uma escala de controle do veículo, setor e motorista denominado BDV.

 

4.9 REFLEXÃO DA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL

A política cotidiana de gestão do SUS em qualquer domínio de governo, seja ela federal, estadual ou municipal, coloca enorme desafio aos gestores. Sabendo da importância da estrutura organizacional para efetividade da gestão em saúde e levando em conta os eixos estruturantes da reforma do sistema público de saúde, a secretária municipal de saúde de Cruz das Almas adequou-se a estrutura organizacional, com o objetivo de aperfeiçoar o processo de planejamento e gestão do sistema em todos os níveis. Esta estrutura busca desenvolver processos de trabalhos horizontais, evitando o distancionamento da estrutura verticalizada. Esta estrutura organizacional conseguiu dar mais agilidade às ações, permitindo avanços importantes pela atual gestão.

A SMS de Cruz das Almas, tendo à frente o secretário Dr. Raul Molina, entre as várias ações e serviços locais de saúde executadas recentemente, destacam-se a implantação de mais duas USF no município, disponibilizando para a esta população, programas de saúde pública, saúde da criança, do idoso, da mulher, planejamento familiar, entre outros , fazendo a promoção e prevenção à saúde.

Foi inaugurada em 25 de setembro de 2009 o NASF - Núcleo de Apoio à Saúde da Família que é o programa que dá suporte as equipe de saúde da família, vem procurar melhorar suas ações, de acordo com as normas do Ministério da Saúde, onde esta equipe tem dado uma boa resposta, através do seu atendimento, onde apesar de ser um programa recém-criado, já tem grande aceitação pela população.

O CAPS - Centro de Atendimento especializado, implantado em 2006. Essas ações e serviços obedecem a uma agenda municipal da SMS, onde existe um planejamento contínuo, para que o usuário do SUS, que é o objeto principal, tenha um serviço digno de qualidade.

 

5. ORGANOGRAMA DA SECRETÁRIA DE SAÚDE

O Organograma, como o próprio nome diz, é a forma organizada de mostrar os cargos com seus respectivos níveis de poder. Tal qual, sempre os cargos de maior poder relativo dentro da empresa, estão ao topo, e, assim sucessivamente até o último e menor nível hierárquico.

Obs.: Não se aplica na instituição fluxograma, pois, o número de funcionários é muito, e algum colaborador não tem função fixa.

 

6. ANÁLISE MERCADOLÓGICA

A análise mercadológica do município de Cruz das Almas evidenciou as condições sócio-econômica, sanitária, epidemiológicas e ambientais, que definem as situações de vida e condições de saúde de sua população. Na análise do sistema de saúde local, foi possível detectar os avanços no município durante a gestão atual, contemplando aspectos da estrutura física, dos Recursos Humanos e financiamento. A assistência a saúde da população contemplando as ações ligadas à Atenção Básica em saúde e as pactuações têm atingido um ótimo nível de satisfação do usuário, embora alguns pontos críticos foram apresentados para o aprimoramento do sistema, proporcionando melhores condições de vida e...

Para ver o trabalho na íntegra escolha uma das opções abaixo

Ou faça login



Crie seu cadastro




English Town