Zé Moleza | TCC, monografias e trabalhos feitos. Pesquise já!

Você está em Trabalhos Acadêmicos > Biológicas > Enfermagem

Favoritos Seus trabalhos favoritos: 0


Publicidade

Trabalho em Destaque

Título: A Proteção Social

1 INTRODUÇÃO O nascedouro foi em 1883, na Alemanha com o Chanceler Bismarck. Foi um marco tanto da Seguridade Social como da Previdência Social (primeiro sistema escrito de previdência social – seguro social). A forma de contribuição ou custeio para…


Publicidade

A Criança e Hospitalização

Trabalho enviado por: Eliane da Silva

Data: 22/04/2003

A CRIANÇA E A HOSPITALIZAÇÃO


A hospitalização de uma criança, ou mesmo o momento em que passa a freqüentar o berçário, creche ou escola, pode ser uma das maiores fontes de ansiedade tanto para si como para os pais e pessoas que cuidam dela.

A criança requer, para garantia do processo de crescimento e higidez mental, a satisfação de suas necessidades afetivo-emocionais.

Segundo Marcondes (1.978) as necessidades da criança são:

  • Ser protegida de sofrimento corporal.
  • Sentir-se amada e desejada
  • Viver em ambiente de harmonia entre os conviventes, sobretudo os pais
  • Confiar nos adultos de que depende para o atendimento das necessidades que ainda não pode satisfazer por si mesma
  • Ter confiança em si
  • Dar expansão inicial as suas tendências instintivas e te-las progressivamente atenuadas e disciplinadas no sentido de adaptação à vida em sociedade
  • Ter ambiente em torno de si tão pouco contraditório quanto possível
  • Ser atendida em sua curiosidade
  • Ter ambiente propício ao desenvolvimento das capacidades e vocações físicas, psíquicas e sociais
  • Ser poupada de emoções súbitas.

A doença determina uma serie de novas e desagradáveis sensações corporais. Se a criança necessita de hospitalização suas necessidades ficam afetadas.

Vários fatores determinam a resposta da criança à problemática vivenciada. Pois a hospitalização implica na separação total ou parcial de familiares significativos. Se a criança não receber assistência psicoafetiva adequada os efeitos nocivos da hospitalização poderão ser severos nas crianças acima de três meses e crianças acima de cinco meses irreversíveis.

Embora os fatores que influenciam na resposta da criança à problemática da hospitalização que vivência sejam muito variados, a ausência total ou parcial do familiar significativo possui o maior peso...

Para ver o trabalho na íntegra escolha uma das opções abaixo

Ou faça login



Crie seu cadastro




English Town